domingo, 14 de maio de 2017

The Last Family

Nome do Filme : “Ostatnia Rodzina”
Titulo Inglês : “The Last Family”
Ano : 2016
Duração : 123 minutos
Género : Biográfico/Drama
Realização : Jan P. Matuszynski
Produção : Aneta Cebula-Hickinbotham
Elenco : Andrzej Seweryn, Dawid Ogrodnik, Aleksandra Konieczna, Andrzej Chyra, Zofia Perczynska, Danuta Nagorna, Alicja Karluk, Magdalena Boczarska, Agnieszka Michalska, Jaroslaw Gajewski, Pawel Paczesny, Adam Szyszkowski, Lukasz Gawronski, Dagmara Mrowiec, Marta Jozwik, Magdalena Pociecha.

História : A vida de uma família de artistas com ligações à pintura e à música.

Comentário : Existem filmes que não nos dizem nada, por muito que os seus realizadores se esforçem para nos dizer algo ou mesmo passar alguma mensagem. Foi o caso deste, sinceramente, logo no início, eu não fui com a cara dos personagens que compõem aquela família, não gostei deles mesmo. Principalmente o filho deles, puxa, é um personagem irritante, a principal característica dele é o facto de ser alguém louco e que não respeita os pais, principalmente a mãe, até dói a forma como aquele filho trata a coitada da mãe, existem duas cenas em particular que são dolorosas de se ver. De todas as personagens, foi mesmo da mãe que eu mais gostei, ainda assim, custa ao espectador se apegar a ela. O personagem do marido é completamente banal, ele não transmite nada. Eu não conheço esta história que foi real, honestamente, não estava familiarizado com esta história verídica e é um caso que não me despertou minimamente o interesse. No seu todo, é um filme chato, aborrecido e irritante que não desperta qualquer tipo de interesse. Como aspectos positivos, temos todo aquele ar de anos 80 e 90 que resulta bastante bem, a nível da recriação de época e do ambiente, as coisas resultaram bem. Nota positiva também para o clima de indiferença que cerca toda a película. No meu caso, apenas fiquei com interesse neste filme na última meia hora, quando as pessoas daquela família começam a morrer, os últimos trinta minutos cativam quem vê o filme, porque trata-se de uma conclusão lenta, mas elucidativa que nos prende ao ecrã. Mas foi como eu já disse, no geral é uma fita vazia e esquecível, na qual não se entendem as notas altas, no meu caso, fiquei muito desiludido com este filme. Foi uma história que não me despertou qualquer interesse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário