domingo, 2 de abril de 2017

The Love Witch

Nome do Filme : “The Love Witch”
Titulo Inglês : “The Love Witch”
Ano : 2016
Duração : 120 minutos
Género : Drama/Romance
Realização : Anna Biller
Produção : Anna Biller
Elenco : Samantha Robinson, Gian Keys, Laura Waddell, Jeffrey Vincent Parise, Robert Seeley, Randy Evans, Jennifer Ingrum, Lily Holleman, Clive Ashborn, Jennifer Couch, Stephen Wozniak, Giselle DaMier, Elle Evans, Micaela Griffin, Dani Lennon.

História : Elaine perdeu um homem recentemente e, para tentar superar essa perda, muda-se para uma nova cidade. Ela acha-se uma bruxa e usa feitiços para conseguir que todos os homens caiam aos seus pés e façam tudo o que ela quiser.

Comentário : Este filme é uma homenagem às séries dos anos sessenta e à forma de filmar e de se usar a cor dessa altura. Possivelmente devido a isso, o que nos é aqui oferecido é algo completamente novo no que à actualidade diz respeito. Pessoalmente, fiquei bastante surpreso com este filme e de forma positiva. Gostei muito desta história e de ter seguido a trama desta estranha personagem, devo mesmo dizer que ganhei facilmente uma empatia pela protagonista não por aquilo que ela faz, mas sim por aquilo que ela representa. O filme abarca dois temas, o amor e a bruxaria, e os dois foram muito bem trabalhados pela realizadora, que também escreveu e produziu o longa. Temos portanto uma trama envolvente, que nos insere na vida de uma jovem bruxa que procura ser amada pelos homens, mas que nem sempre usa os métodos mais apropriados para isso. É um filme muito estranho, bizarro por vezes, mas que se segue muito bem e penso inclusive que o tema da bruxaria foi tratado de forma muito peculiar e eficaz, sem aquelas tretas do costume. A própria Elaine em si, é uma personagem muito original, é muito fácil nos afeiçoarmos a ela, independentemente daquilo que ela faz ser bom ou mau. Ela parece agir de forma natural às maldades que vai fazendo. E tudo graças ao carisma da actriz Samantha Robinson, que além de ter a melhor interpretação da fita, é o melhor que este filme tem para nos oferecer. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário