domingo, 23 de abril de 2017

The Girl On The Train

Nome do Filme : “The Girl On The Train”
Titulo Inglês : “The Girl On The Train”
Titulo Português : “A Rapariga No Comboio”
Ano : 2016
Duração : 112 minutos
Género : Crime/Drama/Mystery
Realização : Tate Taylor
Produção : Marc Platt/Jared LeBoff
Elenco : Emily Blunt, Haley Bennett, Rebecca Ferguson, Luke Evans, Justin Theroux, Edgar Ramirez, Allison Janney, Lisa Kudrow, Darren Goldstein, Laura Prepon.

História : Depois de um divórcio algo traumatizante, Rachel desistiu de si mesma, entregando-se à depressão e ao alcoolismo. Todos os dias da semana faz o mesmo percurso para o local de trabalho e depois o de regresso. Durante as viagens, ela observa as várias pessoas nas casas, onde se apega a um casal, criando um cenário e uma narrativa onde os enquadra numa relação perfeita. Um dia, descobre que a mulher foi dada como desaparecida, e acaba por se tornar ela mesma numa das principais suspeitas.

Comentário : Este filme é baseado num livro que foi um grande sucesso de vendas, que eu confesso nunca ter lido. Fui totalmente às escuras para este filme e tenho que dizer que gostei bastante do que vi. A maneira como a história nos é contada e mostrada não é nada aliciante, na verdade, eu pensei algumas vezes em desistir de continuar a ver o filme, mas a partir da altura em que a rapariga desaparece e que uma investigação tem início, fiquei logo agarrado ao que se estava a passar. Trata-se portanto de uma história que nos envolve, devido a um argumento que começa a ficar interessante a partir de um certo momento da narrativa. Foi curioso, porque em certas partes, dei por mim a tecer possíveis teses sobre o que realmente teria acontecido, claramente que sem êxito. O filme tem ainda alguns twists que se inserem muito bem na narrativa e foram uma surpresa para mim.

No papel principal, Emily Blunt possui a melhor interpretação do longa, é a ela que se deve os melhores momentos e os mais tensos. A actriz consegue ser convincente e fazer com que a sua personagem nos transmita realmente aquilo que está a passar. Haley Bennett é uma mulher muito bonita e sensual, para além de nos dar uma personagem interessante, a actriz possui uma prestação muito boa, adorei a sua Megan. Rebecca Ferguson fecha o triângulo feminino em beleza, a seguir a Rachel e a Megan, ela é a terceira personagem mais interessante do filme. Sobre o elenco masculino, Luke Evans e Justin Theroux estão muito mal aproveitados, além disso, as suas personagens me causaram irritação e nervos. Por último, Allison Janney e Edgar Ramirez são duas boas personagens de apoio ao elenco principal que estiveram muito bem. Aos poucos, nos últimos 15 minutos, as coisas começam a se esclarecer e o final é nos apresentado de forma bestial, eu quase aplaudi o desfecho de Rachel. O mesmo não posso dizer do desfecho de Megan, eu lamentei imenso o destino da personagem, achei mesmo injusto. Mesmo não lendo o livro, confesso que este deve ser ainda mais interessante. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário