sexta-feira, 17 de março de 2017

Neruda

Nome do Filme : “Neruda”
Titulo Inglês : “Neruda”
Titulo Português : “Neruda”
Ano : 2016
Duração : 108 minutos
Género : Drama/Biográfico
Realização : Pablo Larrain
Elenco : Gael Garcia Bernal, Luis Gnecco, Mercedes Moran, Emilio Gutierrez Caba, Alejandro Goic, Diego Munoz, Pablo Derqui, Marcelo Alonso, Michael Silva, Francisco Reyes, Jaime Vadell, Alfredo Castro.

História : Um inspector persegue Pablo Neruda, o poeta chileno, que se torna num fugitivo no seu país na década de 1940 por se juntar ao partido comunista.

Comentário : No mesmo ano, o cineasta Pablo Larrain realizou dois filmes, onde este “Neruda” se inclui. É um filme com uma forte componente política, ela surge vincada até porque se referencia muitas vezes que é mau alguém ser comunista, quando se sabe que a direita é bem pior. Pessoalmente, nunca percebi porque motivo os comunistas sempre foram mal vistos, quando foi quase sempre de partidos de direita que veio o mal para as sociedades. Esta obra é bastante consistente, nota-se que o realizador teve a devida atenção à recriação de época e isso verificou-se principalmente devido ao excelente guarda-roupa e aos fantásticos veículos que se usavam na altura. O mesmo não se pode dizer da maioria das cenas passadas no interior dos carros em movimento, nestes casos, a montagem é deficiente e percebe-se bem que existe qualquer coisa que não está bem ali, faz lembrar as técnicas usadas nos filmes antigos. Gostei da fotografia e da banda sonora. Gael Garcia Bernal está quase irreconhecível no seu curioso papel, confesso que gostei muito de o ver neste registo, possui uma boa interpretação. Mas os grandes méritos vão para o actor Luis Gnecco que vestiu de forma perfeita a pele do escritor Pablo Neruda. A ser verdade o que se vê neste filme e eu confesso que fiquei a saber algumas coisas interessantes sobre o escritor chileno e sobre aquela época.

Nenhum comentário:

Postar um comentário