sábado, 20 de agosto de 2016

The Childhood Of A Leader

Nome do Filme : “The Childhood Of A Leader”
Titulo Inglês : “The Childhood Of A Leader”
Titulo Português : “A Infância de Um Líder”
Ano : 2015
Duração : 115 minutos
Género : Drama
Realização : Brady Corbet
Elenco : Tom Sweet, Berenice Bejo, Liam Cunningham, Yolande Moreau, Stacy Martin, Rebecca Dayan, Sophie Lane Curtis, Robert Pattinson.

História : Após o fim da Primeira Guerra Mundial, uma família americana parte para a França, já que o patriarca foi chamado para ajudar na criação de um Tratado. O filho e a mãe possuem um elo muito forte mas, aos poucos, a criança demonstra um comportamento violento que, muitos anos mais tarde, o faz se tornar um ditador.

Comentário : Trata-se de uma co-produção entre a Inglaterra e a França, um filme simples e muito bem conseguido. Penso que o filme não é biográfico e muito menos baseado num ditador em específico, eu pelo menos, não o associei a ninguém em especial. É uma ficção que mostra como pode mudar alguém no passado de forma a que no futuro seja má pessoa. No caso deste filme, o miúdo tinha pouca atenção dos pais, o pai estava quase sempre fora de casa a trabalho enquanto que a mãe entrou numa fase em que ligava pouco à criança. Basicamente, ele tinha apenas o apoio e a atenção de uma velha governanta, senhora esta que acaba por ser expulsa da mansão pela patroa e por um motivo ridículo, prejudicando o pequeno. Gostei da interpretação de Berenice Bejo, ela fez um trabalho brilhante no papel de uma sofrida mãe e esposa. Mas penso que o grande destaque vai para o pequeno Tom Sweet, o verdadeiro protagonista do filme que arrasa com a sua prestação, fiquei boquiaberto com o desempenho do pequeno. Por outro lado, no papel de pai ausente e marido irresponsável, o veterano Liam Cunningham teve uma prestação bastante aceitável. Gostei de reaver a grande atriz Yolande Moreau. Nem dei por Stacy Martin enquanto que Robert Pattinson não está a fazer nada no filme. A banda sonora chega a ser irritante em certos momentos e alguns planos eram desnecessários. Gostei deste filme, embora esperasse algo com mais conteúdo. Ainda assim, estamos perante um belíssimo filme de época. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário