quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Girls Against Boys

Nome do Filme : “Girls Against Boys”
Ano : 2012
Duração : 94 minutos
Género : Thriller/Terror
Realização : Austin Chick
Elenco : Danielle Panabaker (Shae), Nicole LaLiberte (Lulu), Matthew Rauch (Daniels), Liam Aiken (Tyler), Caroline Lagerfelt (Sarah), Andrew Howard (Terry), Michael Stahl David (Simon), Will Brill (Duncan), Sophia Perez (Celice).

História : A bonita Shae é uma adolescente normal que divide os seus dias entre a casa e a escola. Ao ser brutalmente violada por um nojento que conhecera numa discoteca, Shae une-se a uma estranha rapariga e, juntas, decidem exercer um plano contra os homens que as afetaram. No entanto, após a vingança estar completa, a parceira de Shae decide matar só por matar e a jovem começa a pensar em separar-se dela. Mas para Shae, talvez seja tarde demais.

Comentário : Esqueçam a péssima classificação que o filme tem nos sites do tema. O filme, dentro daquilo que se propõe a mostrar, está muito bom. Quem decide ver este filme, aquilo que procura vai encontrar, ou seja, lindas meninas a darem cabo de homens maus e nojentos. Quanto a isso, podem ficar descansados. Não aconselho este filme a homens de barba rija, refiro-me aos machões. Para quem considera as raparigas como sendo a melhor coisa que existe neste mundo, como eu, este filme é uma delicia para os olhos e para o nosso ego. Danielle Panabaker é linda, uma coisinha bem boa. Nicole LaLiberte não é tão bonita, mas é sexy e muito provocadora. Juntas, o resultado é tesão garantido.

Aquela sequência em que as duas ninas dão cabo do rapaz que violou Shae é a melhor parte dos noventa minutos de imagens (Os homens que tratam mal as mulheres, seja de que maneira for, deviam ser castigados). As duas possuem uma boa interpretação e as suas personagens têm uma boa química, pelo menos no começo do filme. Quando a nossa querida Shae se apaixona por um rapaz da escola, acontece um tremendo twist e a história sofre uma enorme revira-volta. Mas fiquem descansados, tudo termina bem para o lado da nossa kida Shae. A única coisa que não gostei no filme foi o facto de elas nunca serem procuradas pela policia e nunca responderem pelos crimes. Tirando isso, este é um grande filme, somente para quem é apanhadinho pelo sexo feminino, elas são as maiores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário