terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Any Way The Wind Blows

Nome do Filme : “Any Way The Wind Blows”
Titulo Português : “Para Onde O Vento Sopra”
Ano : 2003
Duração : 124 minutos
Género : Drama
Realização : Tom Barman
Produção : Tom Barman
Elenco : Frank Vercruyssen (Walter), Diane Belder (Lara), Eric Kloeck (Paul), Natali Broods (Natalie), Matthias Schoenaerts (Chouki), Louise Fimmers (Julie), Sam Louwyck (Windman), Annick Christiaens (Elsie), Diane Meersman (Jessie), Dirk Roofthooft (Firmin), Jonas Boel (Frederique), Titus De Voogdt (Felix), Cedric Faes (Charlie), Sura Dohnke (Sandrine), Valentina Sauca (Andreia), Kyoko Scholiers (Fiona), Wine Dierickx (Sharon), Sergio De Beukelaer (Andy Warhol).

História : No calor sufocante de uma sexta-feira à tarde, oito pessoas sonham com uma vida diferente. À noite e pela madrugada fora, numa festa, vivem num clima de harmonia. No dia seguinte, continuam as suas vidas.

Comentário : Esta noite vi este filme e gostei muito. A fita possui uma das melhores bandas sonoras alguma vez vistas em filme. Trata-se de um filme que me colocou muito bem disposto. A fita é detentora de boas cenas, bons planos de camara, sequências apaixonantes e tem personagens únicos. Tem igualmente algum humor, embora seja pouco. A realização e produção são boas. No entanto, eu tirava algumas cenas. O personagem do Windman é o mais original do filme inteiro. Temos meninas bonitas, por exemplo, Lara e Natalie. Temos também um pai cuja maior preocupação é o bem estar da sua filha pequena. Gostei também do personagem Firmin. É um filme que tem tanto de estranho quanto de amável. São quase duas horas que passam a correr, nem damos pelo tempo passar. Temos ainda direito a uma cena pós-créditos, que confesso não ter percebido. Quase todas as interpretações são muito boas, com destaque para Diane Belder. “Any Way The Wind Blows” foi o melhor filme que vi neste mês até ao dia de hoje. Muito bom. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário